Filme: Procurando Dory

10/08/2016 || || ||
Olá gatões! Eu fiz algumas resenhas de filmes que assisti recentemente aqui no blog e até agora não publiquei nada porque a louca aqui pensou que já estava tudo publicado rçrç. Por causa disso, vou publicar essa galerinha do mal -narrador da Sessão da Tarde- em sequência e não tô nem aí. A primeira que eu vou postar é a de Procurando Dory porque foi o primeiro filme que assisti entre todos que resenhei, eu até ia colocar algumas cenas pra zoar como sempre faço, mas vou deixar a resenha mais séria porque eu vi no cinema e por lá não dá pra sair tirando print -que pena-. Chega de falação, lê o post aí!

Sinopse
Um ano após ajudar o peixe-palhaço Marlin a reencontrar seu filho Nemo, Dory tem um insight e lembra-se de sua própria família. Com saudades, ela decide fazer de tudo para reencontrá-los e na desenfreada busca esbarra com amigos do passado e vai parar nas perigosas mãos de humanos.

Aqui era pra descrever os personagens, mas não lembro do nome de nenhum então vou juntar com as minhas opiniões.

Começou minha resenha chula
Começa apresentando os personagens do filme anterior, Marlin, Nemo, Dory e aquela arraia que é professora dos peixinhos pequenos, todos vivendo normalmente num dia a dia bem engraçado, essa cena é meio tosca se eu for descrever, mas é bem legal de ver, ela flui com facilidade. É nessa cena do início que o Marlin reforça que ela sofre de perca de memória recente, achei isso legal porque, se eu não me engano, no primeiro filme ela apenas esquecia das coisas, mas não era mostrado o porquê disso. 

Ok, veio aquela briguinha clichê, a Dory se lembra dos pais, decide ir procurá-los, Marlin não deixa e blá blá blá. Resultado: Ela vai só e é claro que ia dar merda, ela foi capturada por uma espécie de centro de atendimento para animais marinhos, a galera é bem do bem, cuida dos peixes até eles voltarem pra água enquanto uns são selecionados para viverem lá ou então serem comprados. Lá ela conhece um polvo que esqueci o nome -porque tenho uma memória ótima-

*pesquisa no Google*

Agora sim, ela conheceu o Hank, um polvo com sete tentáculos por algum motivo da vida que não foi explicado -vem aí, Procurando Hank no ano de 2030-, ele de início é meio suspeito, você acha que ele é uma pessoa má, mas ele só quer ficar no estabelecimento pra sempre, ele não quer ficar ali porque a vida dele no mar aberto era uma droga. E eu adorei ele, foi um dos meus personagem favoritos e que impulsionou meu desejo de assistir.

Fora esses personagens, temos Destiny, uma baleia que explica pro espectador o porque da Dory falar baleiês, a gente já fica com uma pulga atrás da orelha, sabe? Tipo "pera... Se elas são amigas de longa data, então a Dory era desse aquário? E como ela foi parar no mar aberto?", felizmente essas dúvidas foram muito bem respondidas no final que teve um toque emocionante na medida certa. Além dela, tem uma outra baleia/golfinho/não-sei-o-que-é-aquilo chamado Bailey que tem um papel fundamental na história porque ele tem um ecolocalizador -acho que é assim que se escreve- muito badass.

Enquanto Nemo e Marlin procuram a Dory -avá?- eles encontram uns leões marinhos genéricos que ajudam eles a saber o que é toda aquela estrutura e dão algumas informações. Eles não são tão importantes, exceto Geraldo.
A serenidade no olhar de quem roubou a cena
Que foi? Ele roubou a cena, é claro que ele é importante! Tem também um pombo meio drogado, mas acho que ele nem tem nome, ou se tem eu esqueci também...

Não vou mais me alongar porque não quero dar spoilers da longa, porque eu não achei ela grande coisa e se eu contar o final vai ficar muito sem graça. CALMA! Vou explicar porque não achei grande coisa: Eu gostei do filme, mas me decepcionei um pouco, sabe? Ele segue quase que exatamente a mesma história de Procurando Nemo: A Dory lembra dos pais, vai procurá-los, é pega pelos humanos e Marlin e Nemo vão procurá-la. Basicamente é só isso o filme todo, então não criem expectativas como eu criei, ok? É um bom filme, mas não é o melhor filme ever.

Quanto a parte de produção, não ficou muito diferente do antigo filme, talvez pra poder ter aquele fator nostalgia que funcionou bem enquanto assistimos, acho que não deveriam mudar nada mesmo, só a ambientação que ficou mais clara e colorida, deu mais aquele ar de filme infantil mesmo.

Enfim... Foi isso, minha experiência com o filme não foi essas coisas porque eu estava esperando demais por ele, o que é uma pena... Espero que tenham gostado do post e até semana que vem. 

4 comentários:

  1. Yooo Shanii-san~!

    Eu ainda não fui ver Procurando a Dory. Minha mãe queria ver (tipo... ela tem seus 45 anos de idade '-'), mas com meu pai trabalhando demais, não tem como irmos (ele é o único cuja carteira de motorista ainda presta). Mas, para mim, acho isso um tanto curioso o filme... Finalmente eles esclareceram vários dos motivos que deixaram com uma grande interrogação na cabeça por anos!
    Bom... é um filme infantil, né? Então acho que não seria tipo assim... OMG! MELHOR FILME EVER *q*
    .-. Mas acho que dá pro gasto, não? xD

    Chu~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Yoo!

      MEOS DEOS! 45 ANOS? Olooooko... Ah, sei como é, os pais não tem tempo e tals, isso é bem triste... É, eles deixaram claro muita coisa que rolou no Procurando Nemo, eu gostei apesar de ser infantil...
      Dá pro gasto, claro!

      Excluir
  2. Oi Shanii ~:)
    Olha eu não tava com nenhum pingo de vontade de assistir procurando Dory,então obrigado pela resenha por que agora deu vontade asuahduahud

    -
    Na minha cidade não tem cinema e eu tenho preguiça de procurar os filmes na internet então eu to meio parada com os filmes ;-;
    Fora a sua resenha eu li outras resenhas do filme e me identifiquei bastante com hank :'v
    -
    Quando eu li "exceto GERALDO" eu ri tanto que a minha risada não caberia aqui no bloco do comentário,fiquei totalmente sem controle bem besta mesmo,ainda bem que não tem ninguém em casa ~(°.°)~
    -
    Gosto bastante de filme infantil então mesmo não atendendo as minhas espectativas eu vou assistir mais de 10 vezes por que é assim que é a vida :')

    STOU no aguardo para as outras resenhas 'u'

    BEJAO DA YUE
    .:::오타쿠의 꿈 :::..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Yooo! Noooo! Como assim sua cidade não tem cinema? Eu achei que só o Acre não tivesse cinema... Eu sempre busco filmes pela internet, acho uns bons, outros nem tanto, tem até um site que sempre vou e deixo ele nos favoritos. Às vezes o filme que quero ver é muito antigo ou eu não tenho grana pra ir no cine, aí busco nos sites...

      HUEHUEHEUEHU O GERALDO É MUITO ENGRAÇADO CARA, SÉRIO! MELHOR PERSONAGEM! Eu adorei ele e ri muito nas partes dele.
      Nossa, eu só assisto um filme uma só vez, só quando é muito bom eu vejo mais de uma!

      Excluir

Vai comentar? Leia as regrinhas:

~ Pode abusar dos palavrões o quanto quiserem, mas ofensas serão excluídas. Caso queiram criticar, críticas construtivas por favor;
~ "Seguindo, segue de volta?" Sim, mas fale um pouco do post também;
~ Pedidos? Fiquem a vontade;
~ Lemos a todos os comentários e sempre os respondemos;
~ No fim do comentário deixe o link de seu blog, se gostarmos, seguimos com prazer .

Pode comentar agora!