18/01/2019

Como tirar notas boas na faculdade

Oi lá amigos! Eu quase nunca posto coisas da faculdade aqui no blog porque a faculdade pra mim é minha vida off, aqui eu enho relaxar e tudo mais, longe dos estresses da vida... Acontece que agora sou do CA e esse semestre vai ser a primeira vez que vou recepcionar os calouros, e bem... Parando pra pensar, eu tô quase terminando a faculdade e nunca reprovei ou fiz prova final, isso é uma vitória a ser comemorada, até porque quem faz faculdade sabe que não é fácil manter esse ritmo. Então achei válido compartilhar aqui algumas experiências, o post está dividido em "tópicos", espero que gostem <3


Converse com veteranos sobre como é o professor, suas provas e sua metodologia, então com base nessas informações, aí sim você pode ter uma ideia e seguir estudando o que é mais provável de cair.

Em hipótese nenhuma converse durante as aulas, por favor, né! Isso é ridículo, o professor vai te marcar e isso diminuirá as chances de você passar ou conseguir algum estágio com ele, além de você não conseguir entender ou pegar a matéria que ele dita. Além disso, se a aula for boa, preste atenção e tire dúvidas, faça muitas perguntas, mostre interesse, tente ficar focado no seu professor, principalmente se ele for de uma área que você acha interessante ou almeja seguir.

NÃO ANOTE!! Sim, é isso mesmo que você leu, não anote nada, grave a aula pra ouvir depois! É indispensável um bom cartão de memória. Anotar te faz perder muito tempo e o conteúdo é extenso, é impossível escrever tudo o que o professor fala. Se quiser, anote em casa, na aula não.

Se o professor não dá aula, sente no fundo e não preste atenção nele, vá estudar com os livros da biblioteca (meu prof de genética cof cof). Parece louco, mas as aulas nem sempre são importantes e o jeito que você vai lidar com cada matéria depende muito da didática do professor. A faculdade, na maior parte das vezes, toma muito tempo, então se uma aula não tem muito a oferecer, não se sinta culpado se estudar outra coisa. Com esse meu professor de genética, eu sentava no fundo enquanto estudava com os livros que ele recomendava, era muito mais produtivo que prestar atenção.

Se o professor não cobra presença e não ensina bem/não consegue transpor a matéria, nem vá, estude. Exceto se o material tiver na sala, como por exemplo em anatomia. Meu professor de anatomia nem sequer sabia o nome dos músculos que a gente tinha que estudar, ele chegava atrasado e ficava na sala dele, largava um bando de alunos na sala e sem orientação. A maioria ia embora, mas o material tá na sala, certo? É mais fácil estudar anatomia com o material em mãos, então eu pegava um livro qualquer -Amém Sisson e Dyce- e comparava com o que eu via na peça estudada. Não vale só pra anatomia, se o material de estudo está na sala, fique na sala.

Se ele não cobra presença, ensina bem, mas a matéria é fácil, você pode faltar duas ou três vezes pra estudar pra outras matérias mais difíceis, mas não abuse.

Faça TODAS as atividades, estudos dirigidos e exercícios que o professor ou os veteranos recomendam, tudo, é de extrema importância. Mesmo que não valha ponto e nem nota, fazer te dá uma boa noção da matéria.

Planeje os seminários com antecedência. Se você conversou com os veteranos, você sabe que tal professor passa o mesmo tipo de seminário há 30 anos! Você precisa saber como agradar esse professor e saber as perguntas e considerações que ele geralmente faz ao criticar

Peça pro professor ver se o seu trabalho tá bom, faça ele orientar o seu seminário! Ele não vai ter coragem de te dar uma nota ruim se foi ele que orientou tudo.

Em casa -se é que você tem tempo pra ficar em casa-, siga a sua maneira convencional de estudar, desde que tenha foco e se organize. Não vou entrar nesse mérito aqui porque a Any já fez um aparato de coisas maravilhosas e sugestões pra você seguir, aqui o post. O que posso dizer é que você tem que estudar todo dia um pouco, nem que seja 30 minutos. Quando tiver estudando, pode perguntar alguma dúvida ou algo assim no grupo da sala ou whatever, mas não foque em ficar conversando com amigos, tenha objetivos, ok?

Ainda sobre isso, há quem diga que gosta de fazer grupos de estudo, acho uma perca de tempo (exceto aquele fodões que dão certificado, que são muito bons), mas se você estuda melhor em grupo, o que posso dizer é pra não abusar, nem sempre os seus amigos podem estar ali a fim de estudar, saiba qual é a hora de falar sério e acabar com a palhaçada.

Hm, acho que já falei tudo que eu tinha pra falar. Se eu lembrar de outra coisa, edito e posto <3

2 comentários:

  1. Aaaah, isso me ajudou muitooo! É o meu primeiro ano na faculdade e eu estava super nervosa com as aulas sobre os professores não nos darem os conteúdos ''prontos'' (como nos anos de escola, ta na lousa e a gente só segue o fluxo copiando), a dica de gravar vai me ajudar muito! Obrigada <3
    Ainda estou super nervosa com as questões do seminário, pq provavelmente todo mundo deve prestar muita atenção em você falando, e só de imaginar eu explodo todinha :c

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por nadaaaaaa <3 Gravar as aulas é muito bom, mas tem que ser escondido à sete chaves, ninguém pode saber, nem os alunos, porque tem alguns professores que odeiam que grave (e outros que são muito de boas quanto a isso), então se esses professores souberem que tão rolando gravações, pode dar ruim kakaka
      Menina, relaxa, o povo fica estuando outras coisas na hora do teu seminário, ninguém presta atenção não shushaus (aliás, na minha sala tinha uma equipe fazendo o slide na hora da apresentação de outra, turu bão?)

      Excluir

Vai comentar? Leia as regrinhas:

~ Pode abusar dos palavrões o quanto quiserem, mas ofensas serão excluídas. Caso queiram criticar, críticas construtivas por favor;
~ "Seguindo, segue de volta?" Sim, mas fale um pouco do post também;
~ Pedidos? Fiquem a vontade;
~ Lemos a todos os comentários e sempre os respondemos;
~ No fim do comentário deixe o link de seu blog, se gostarmos, seguimos com prazer .

Pode comentar agora!

Layout feito por GNMH, editado por Hari M.