Jogo: Eldarya

17/12/2016 || || ||
Oi oi pessoas! Como eu disse antes, geral falou pra eu jogar Eldarya, eu precisava jogar e tals. Então cá estou eu, peguei uma conta de uma amiga que tinha 3K de maanas -a mesma que me emprestou a conta do Amor Doce-, é muita maana GZUIZ! E eu joguei todos os episódios que lançaram na versão BR de muitas maneiras e rotas -praticamente consegui quase todas as imagens que estavam faltando pra ela-. Devo dizer que foi um jogo que me surpreendeu, eu esperava que ele fosse muito cansativo e ruim, mas enfim... Vamos à resenha... 

Sinopse + Personagens
Basicamente você é uma humana que entra num círculo de cogumelos na floresta e esse círculo leva você para o mundo mágico de Eldarya, é o mundo dos faeries. Miiko e Jamon te descobrem por lá e te levam pra uma cela. Não sei porque raios de motivo, um cara mascarado te salva e você volta, a Miiko fica com raiva e depois de muito papo -e um acontecimento bombástico-, ela aceita e aí você fica morando por lá. Os boys magia do jogo -não sei quer é paquera e quem não é paquera, então vou listar todo mundo- são:

Um carinha mascado aleatório: É ele que salva a protagonista da prisão. Até agora, já encontramos com ele umas duas vezes, ele é bem misterioso e não fala literalmente nada, mas sabemos que ele ajuda o guardiã na medida do possível, não sabemos o porquê disso. Teorias que dizem que ele é Leiftan, mas só teorias.

Ezarel: Ele é irônico, sarcástico e engraçadinho, não no sentido bom da palavra, ele é do tipo que dá um "foda-se" maravilhoso pra guardiã -como a gente chama a protagonista-. Vive fazendo piadas e brincadeiras, uma vez ele inventou um item na lista pra guardiã pegar e ele fez questão de rir na cara dela quando ela não achou o item. Por conta disso, a grande maioria odeia ele, eu particularmente gostei do ar travesso dele, ele implica muito com a protagonista, mas ele é tão "vivo" não teve como eu odiá-lo. Teve algumas parte que, enquanto eu escolhia as respostas, ele ficava surpreso ou sem graça porque escolhi uma resposta certa, whatever... Não sei se é porque eu pareço com ele, mas eu simpatizei muito e não consegui odiá-lo como as outras pessoas. 

Keroshane: Ele é um amor de pessoa, ele é o que primeiro ficou do lado da protagonista, o Kero é alguém muito inteligente que costuma ficar na biblioteca e cuidando de papelada, ele é gentil e ingênuo, é ele que explica tudo sobre Eel nos primeiros episódios, explica o que são as guardas, pra que servem, como é cada personagem, o que são os mascotes... É ele que faz os questionários também, mas o Kero faz tudo na mais plena boa vontade e sempre está lá quando a guardião precisa.

Nevra: É o queridinho de todas, gostei dele também, mas não achei ele essas coisas e por algum motivo da vida, preferi o Ezarel e seu sarcasmo frequente. Acho que o Nevra é o mais bonito fisicamente falando, ele é muito pervertido, adora paquerar e sempre tem alguma tirada de duplo sentido, ele também é um tanto sarcástico, mas de um jeito leve, o que o torna querido pela galera que joga. Ele é muito egocêntrico e odeia perder, se você cair na guarda Sombra, ele surta porque não quer que uma "inútil" desça a guarda dele no ranking. Fora isso, ele é bem legal, gosta de proteger e se importa com a galera de Eel -o nome do reino lá-, ele é um tanto surtadinho, mas isso é bem irrelevante. O Nevra é tipo um Dake na personalidade, mas não tão insistente, ele dá umas cantadas básicas e deixa quieto.

Leiftan: Outro queridinho, mas dessa vez com razão, o Leiftan é muito gentil, culto, elegante e, assim como Kero, também ficou do lado da guardiã sem nem pensar duas vezes. Ele é muito ocupado, muito mesmo, é raro encontrar ele de boas por aí, mas quando a gente encontra, ele sempre está disposto a ajudar ou dar algum conselho, ele é amorzinho. 

Valkyon: Adorei o Valkyon! Tem alguma coisa errada, no Amor Doce não gostei de ninguém, mas no Eldarya eu gostei de todos? Pois é, não sei o que houve... O Valkyon é caladão e reservado, no início não dá pra perceber os traços de sua personalidade, apenas que não gosta de ser incomodado, é do tipo que não ajuda e também recusa qualquer tipo de apoio, ele acredita no potencial das outras pessoas e no dele mesmo, além disso notamos uma serenidade harmoniosa, porém no episódio 5 ele se mostra uma pessoa muito carinhosa e protetora, é muito fofinho também e quando está em uma situação séria, o Valkyon faz jus ao que ele parece, um lutador da mais alta categoria. Ah! Vocês precisam ver como ele se preocupa com o mascote dele, é um amor <3

Minha opinião
Não vou falar dos mini-jogos porque eu teria que falar do leilão e das explorações e o post ficaria imenso. Só queria dizer que jogar Eldarya foi surpreendente, é um jogo bem clichê e comum, com objetivos simples, mas que se superou no desenvolvimento dos personagens. O ponto forte de Eldarya, por incrível que pareça é o ponto mais fraco de Amor Doce: Os personagens. Assim como eu disse que o Ezarel é "vivo", eu afirmo isso para todos os outros personagens, não só os "paqueras", as personagens femininas como a Ykhar, Alajéa e Miiko. Diferente de Amor Doce, os personagens não estão ali só fazendo presença, eles tem um carisma diferente, não são motivados por uma só escolha e são mais expressivos.

É muito engraçado como todos os personagens parecem reais, psicologicamente falando... É fácil gostar deles, eles não são tão escrotos como os personagens de Amor Doce, não ficam surtando do nada ou coisa do tipo, o diálogo entre eles flui muito bem. O meu favorito foi o Ezarel porque eu acho que ele foi o que mais me passou essa sensação de estar vivo, é notável ver como ele se diverte e como ele não é apenas aquele personagem "só casca". Por exemplo, no Amor Doce dá pra encaixar todos os personagens num padrão que é seguido sempre, como uma coisa mecânica, temos o roqueiro rebelde, o nerd certinho, o gamer, o gay amigo da protagonista... Aqui não, não tem como definir os personagens, por exemplo: Temos o Valkyon que é o calado, mas o esteriótipo "calado" não é tudo que ele é, ele fala bastante de coisas que ele gosta. O Ezarel é o "travesso", mas "travesso" não define ele por completo, ele fica sem graça em muitas situações e até já elogiou a guardiã muitas vezes em conversas sérias.

A arte, animação e layout também são muito melhores que as do Amor Doce e eu não tô falando do AD nos primeiros episódios -porque aquela arte era merda mesmo-, tô falando da arte dos últimos episódios mesmo. Ah! O sistema de maanas é bem melhor que o sistema de pontos de ação do Amor Doce. O que é maana? É tipo... Sem maana, você não anda no episódio e nem compra nada em lojas e leilões, comparando com AD, é como se fosse um PA misturado com dinheiro. E o sistema de maanas é muito melhor que o de PA porque é muito mais fácil conseguir maanas com os joguinhos ou vendendo coisas no leilão, você ainda pode fazer trocas e esquemas com outras jogadoras a fim de conseguir mais maanas ou um objeto que interesse a alguma jogadora.

Em Eldarya há muito mais cenário, muito mais até do que alguns Otome Games famosos. É uma qualidade muito boa, além de muito cenário, eles são lindos. Além disso, as imagens extras não são soltas, há diálogo dentro delas. Dá pra ver o cuidado que foi feito o jogo. Apesar de tantos pontos positivos, não é um jogo que aconselho a jogar, pois ele é do tipo que vicia e até agora ele não parece ter um final perto. Eldarya é o tipo de jogo que é pra ser jogado quando você tem muito tempo livre pra se dedicar a ele por inteiro, aproveitar as explorações, mini-jogos, leilões, sacolas... Enfim... É um jogo que não se prende apenas na história do jogo, dá pra explorar muito do que tem pra fazer em Eldarya e não é algo que você faz em poucos minutinhos.

Enfim, esse foi Eldarya, espero que tenham gostado da resenha, aposto que vocês acharam que eu ia falar mal, né? Se enganaram. 

6 comentários:

  1. Yooo Hari-chan~! De boas?

    GENTI! MELDELSES! Eu já joguei esse joguinho aí! Sério! Eu tava naquela onda de "Tô Precisando de um Panda Macho Alfa Exalador dos Ferormônios Pra Mim" e comecei a caçar tudo quando é tipo de Otomes Games kkkkkk e eu acabei achando 3 que joguei: O Eldarya, Amor Doce e um mais podre que AD: AnticLove (sério. Não jogue essa porcaria - você vai se arrepender pro resto da vida). Mas como eu sou um tanto chata pra games, pra mim tem que ser algo em constante movimento, tipo... não pode parar (por isso jogo bastante PRGs, games administrativos (amo <3 - conhece Moe Girl Café 2? xD - le querendo viciar as pessoinhas kkkk), entre esses gêneros. Eu cansei de AD porque realmente tava ficando um porre para mim. Primeiro porque eu gastava rapidão meus PA (tipo, acumulava o mês todo e numa noite em 20 minutos não tinha mais nada ;-;) e segundo porque aqueles personagens estava me dando nos nervos (principalmente aquela criatura de TPM 24Hrs chamada Cassy~ =_=). Nath também estava já me dando nos nervos, mesmo ele sendo O Cavalheiro, O Cara Bonzinho, O Cara Exemplo, etc... Daí desisti de jogar sabudega. Eu não lembro muito de Eldarya, porque como eu já disse, eu gosto de jogos em movimento. Daí como tem o lance dos Maanas, eu fico com rápido desgosto :T Daí acho que nem do Epi. 1 eu passei kkkkk MAS como você começou a detalhá-lo, acho que vou voltar a jogar. Talvez eu suporte mais que AD x'D
    Curti o post ~ <3
    Chu~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você percebe que tá muito por dentro de daiting games quando conhece os três citados, mas não joguei Anticlove, mesmo me falando que era muito bom, me falaram até que é melhor que Amor Doce, mas acontece muita merda. Eu gosto de muitos tipo de jogo, eu tenho um carinho com RPG e Otome Games -mas não esses tipo Amor Doce, aqueles que tem uma história boa e dá pra zerar *foge*-

      Não conheço Moe Girl Café 2, e espero não procurar isso, se não vou me viciar também shuashuas

      Amor Doce é um saco, gastar PA é uma tortura, é o pior sistema de todos os dating games, nos outros geralmente acaba os "créditos" de acordo com que avança a história, Amor Doce não, é de acordo com o que você anda e às vezes você anda feito uma tonta e não acha nada, isso é horrível. O Castiel e o Nathaniel me dão muito nos nervos, eu até shipparia os dois, eles são shippáveis, mas não consigo me interessar por eles, são os dois priores personagens, pra mim. Até o terceiro epi basicamente é tutorial, acho que é por isso que você não gostou e tals, achei o quarto e quinto epi interessantes. Se você tem tempo livre, é recomendado -q

      Excluir
  2. Eu nunca fui muito fã de jogos, não só por não ter lá muita noção de como eles funcionam mas também porque acabo enjoando com facilidade deles, ainda mais os desse tipo em questão - por mais incrível que pareça, volta e meia me lembro de alguns animes e mangás que acabaram com mesmo destino - mas, ainda assim, o nome de Eldarya não me é estranho. Devo ter esbarrado com ele em algum site alheio, me lembro dele ser o primeiro jogo que me deu vontade de jogar só pelo design dos personagens. Só não levei a ideia adiante. Heh.

    Pela descrição que deu, a minha intuição acabou sendo mais assertiva do que eu esperava, e por mais que as chances de eu jogá-lo um dia sejam bem baixas, até os personagens são bem legais - Ezarel eu já gostei de você!

    Agora eu preciso deixar um grande obrigado pra você Harii!!! A propósito, eu me lembro sim de você, mas como nós raramente nos falávamos (vide comentários, lol) me surpreendi por ser você a aparecer no Doukyuusei logo de cara, nem preciso dizer o quão feliz eu fiquei com isso ♥ até meio sem jeito com seus elogios, é realmente bom ter noção do impacto que eu causo nos meus leitores, muitíssimo obrigada por isso!!

    Ai que coisa incrível!! *gritinhos* Eu tenho planejada uma série de drabbles baseadas nas estações do ano também!! O problema é dar continuidade a ela, meh, mas é muito bom saber que sou objeto de inspiração /e-hehe/ (aliás, me avise quando escrever a fanfic!).

    Ah natsukashii, assim como fuubutsushi são palavras que estão relacionadas a lembranças, a diferença é que natsukashii se refere a algo especifico (como um objeto) que nos traz lembranças sobre um determinado momento, não tão abrangente como fuubutsushi.

    Devo ter exagerado um pouco, mas vou ficando por aqui.
    Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Snow <3
      Eu amo jogos, mas tenho preferência pelos "zeráveis", por questões de tempo, Amor Doce e Eldarya não se encaixam nesse padrão, então não me interessam e só joguei porque me pediram. Ah! Eldarya é bem famoso, é bem provável que você tenha esbarrado mesmo. Que bom que eu passei essa sensação, adoro shuashu A maioria dos interessados em Eldarya são as jogadoras de Amor Doce e, como já resenhei AD por aqui, eu fiz muitos links entre eles. Céus, eu amei o Ezarel, ele seria um cara odiável se fosse em Amor Doce ou se fosse outro jogo superficial, mas ele é tão vivo, me encanta isso nos personagens de Eldarya.

      É que meu tempo é bem escasso, gosto muito do seu blog, sempre gostei, mas eu não comento muito porque sempre leio bem rápido e tals, fico feliz que tenha lembrado de mim assim como lembrei de você -q.
      E é verdade, não somos tããão próximas, converso mais com a Any e acho que você me viu mais por lá do que no seu blog shuashuah
      Desculpa por isso -q
      Mas vez ou outra eu passava lá no seu blog e fuçava, lamentando a perda de uma autora muito boa na nossa blogosfera maravilhosa! Tenho um carinho por ti pela inspiração que você me dá <3

      Vou avisar assim que terminar a fic -e se duvidar linko a outra que fiz-, eu ainda não sei uma história base, pois acho que simplesmente citar as estações me parece vago...

      Excluir
  3. Oie Hari!!!! Depois de quinhentos anos, eu apareci viva na blogosfera. Motivo? Quando eu estavba vendo minhas viadagens coreanas, eis que vejo aquele seu comentário maravilhoso no meu post de fanfics <3 E como fazia muito tempo que eu não comentava aqui, cá estou.

    A minha vida tá uma correria dos infernos, mesmo agora nas férias. Eu não tinha visto antes, MAS QUE LAYOUT MARAVILHOSO É ESSE?! SOCORRO GDEUS, ADOREI <3 Eu posso dizer que a mão da fanfic até tremeu aqui? ~mesmo que eu só escreva coisa de viadagem coreana? kkkkkkkkk

    Falando sobre o post: eu tenho uma conta no Eldarya desde a época dos prêmios por meta de inscrição, e desde então não tive tempo para fazer progresso nos episódios, então tenho me contentado a assistir vídeos dos eps.

    Eu não posso negar que meu amorzinho no Eldarya é o Nevra também, como a maioria, ~nem é porque eu gosto de vampiros, magina, né por isso não... Mas eu também gosto muito do Ezarel, e acho um exagero o hate que ele leva na internet; Ele não é tão ruim como a maioria das jogadoras coloca. Na vida eu tento ser um Ezarel, mas eu tô mais pra um Valkyon kkkk Me identifiquei bastante com ele nesse ponto, e acabei vendo ~no passar dos vídeos~ o quão amorzinho ele é <3 ~ê vontade de prender esse homem num potinho :333

    Eu gosto tanto de AD como de Eldarya, mas sem dúvida Eldarya anda um carinho maior da minha parte. Sempre gostei de histórias com elementos fantasiosos, então ponto a mais para esse game :333

    Kissus <3 E ah, manda pedido de amizade lá no Spirit :333

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi lá de novo! Nem precisa se desculpa, eu fui uma vaca com você de não ter aparecido -q

      Nas férias parece que a situação piora! Eu tento adiantar todos os meus projetos nas férias e acabo que não faço nada sempre, ai ai... NÃO É? OLHA ESSE VIKTOR, TÔ PIRANDOOOO!! NÃO AGUENTO MAIS ESPERAR ESSA DELÍCIA DE ANIME -vai sair daqui a pouco, ain, tô nervouser-. Gent, a mão da fanfic tremeu só de ver o Viktor? ISSO É QUE É FONTE DE INSPIRAÇÃO, MDS!

      EITA! E teve isso também? Eu não manjo muito dos eventos que acontecem por lá e tals, mas ok... Não vi nenhuma gameplay sobre o jogo depois que joguei -até porque creio eu que joguei todos os epis-, e nem tenho tanto interesse -a não ser que seja os episódios mais avançados da versão francesa.

      O Nevra tem um ar meio vampiresco mesmo tipo quando esbarramos nele no corredor ele fala algo como "devorar" a guardiã e repara no "cheiro apetitoso" dela, mas achei que fosse piada pervertida, ele é mesmo vampiro? Bom saber... Assim tenho mais interesse nele... Sobre o Ezarel, antes de eu jogar, tinha visto umas meninas comentarem o quanto ele é horrível e tals, um completo filho da puta, maaas foi ainda pior quando terminei de jogar -que eu fui buscar informações com a galera do jogo pra fazer uma resenha melhor-, eu nem acreditei nisso, não entendo porque a maioria o odeia, eu simplesmente amei esse delícia! Eu também sou meio Valkyon, mas não tão fofa quanto ele, eu acho que sou uma mistura dos três. SIM, O VALKYON É MUITO FOFINHO! Eu dei muitos replays no episódio do Kappa pra conseguir falar com todo mundo, eu fiz a rota dele no desânimo porque achei que ele seria o menos interessante, MAS NÃO, ele é muito fofo e protetor, o Valkyon só é calado, mas é incrível <3

      Eu não gosto de AD, definitivamente não. Mas gostei de Eldarya, tem uma história MUUUITO melhor, um universo mais interessante e personagens mais sociáveis -e mais bonitos também-.

      Mandei, será que chegou? Vou mandar de novo <3

      Excluir

Vai comentar? Leia as regrinhas:

~ Pode abusar dos palavrões o quanto quiserem, mas ofensas serão excluídas. Caso queiram criticar, críticas construtivas por favor;
~ "Seguindo, segue de volta?" Sim, mas fale um pouco do post também;
~ Pedidos? Fiquem a vontade;
~ Lemos a todos os comentários e sempre os respondemos;
~ No fim do comentário deixe o link de seu blog, se gostarmos, seguimos com prazer .

Pode comentar agora!