30/06/2016

Entrevistando Marina L. L.

Oi oi, como vão? Estou muito ocupada com umas pesquisas fora da faculdade, por isso que ultimamente eu não tenho me pronunciado muito por aqui, mas estou preparando um mega-post desde que entrei de férias -e eu tô de férias desde segunda-. Pra não ficar um post vazio, peguei essa entrevista que está aqui nos rascunhos faz tempo e vou publicá-la, a imagem é de uma comic independente que gosto muito e que indico muito, o nome é A Matter ou Life and Death, ou AMOLAD, é shounen-ai, mas isso não desmerece essa delícia <3, porque favor, leiam, sério <3

Qual seu blog? Como escolheu o nome? Fale um pouco de sua história na blogosfera.
Foi um erro, era para ser um blog de cinco meninas, mas duas desistiram e ficou apenas três. A Beca escolheu o nome "Ursinho Putão", mas eu entendi "Ursinho Plutão" e a Hina não tava lá e depois disso ela me perguntou o nome, pra fazer logo o Layout, eu disse o nome errado e ela fez. Quando ela mostrou (o layout) pra nós duas, a Beca ficou louca e disse que era "Putão", mas a gente preferiu deixar assim pra ficar original. E deu certo.

E como você chegou na blogosfera? Fale suas inspirações e tals.
Eu antes era muito fã de blogs, amava ler tudo e meus favoritos do Google era cheio de blogs, meu pai sempre ficava irritado com isso... E eu tinha um orkut, se eu não me engano foi comprado pela Google, daí eu já tinha uma conta no Google automaticamente... E a Hina me mostrou, ela disse que seria legal criar um blog e eu pensei: Por que não? Então falei com mais três amigas e elas aceitaram, mas depois duas deram para trás, como falei, e a Beca perdeu a senha do Google, ela escreveu em um papel e depois, achando que era um número de telefone qualquer, jogou no lixo e perdeu a senha.

Se a blogueira for um saco e o blog bom, você continua lendo? E se a blogueira for um amor e o blog ruim, você também lê?
Se a blogueira for um saco e o blog bom, eu continuarei lendo, mas ao contrário não. O que mais importa para mim é o conteúdo. Eu quero notícias, críticas de filmes, livros... Eu quero informação. Apenas isso.

Falando nisso, o que te levou a esse mundo da leitura?
Minha família. Desde pequena eles incentivam minha leitura. Então me acostumei tanto. Que não me importo com o tipo de conteúdo que leio, ele vai de notícias até livros, de letras de músicas até poemas. Se o assunto me agradar, eu leio. Mas algo que eu não consigo aceitar: muitos erros de português sem precisão, coisas simples como parágrafo, letra maiúsculas em nomes próprios, coisas desse tipo... Eu simplesmente não consigo ler, fico corrigindo mentalmente e isso atrapalha minha concentração.

Você se considera uma pessoa culta por isso? Ou normal?
Nenhum dos dois, por causa dessa minha mania incontrolável e inconveniente, eu me considero uma pessoa meio -muito, demais até- estranha.

Qual a relação que você tem com as outras autoras? E o que você ouve da antiga blogosfera?
Eu apenas sigo e acompanho elas a cada postagem, eu tenho vergonha de puxar conversa, acho que estou atrapalhando o trabalho delas... Bem, eu não escuto muito sobre a antiga blogosfera, escuto pessoas dizendo que era mais "comportada", sem muita zuêra.

Blog da entrevistada: Ursinho Plutão.

2 comentários:

  1. Adorei a entrevista. Achei engraçado o nome Ursinho Putão heueheuehe
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe, eu também achei muito engraçado -q

      Excluir

Vai comentar? Leia as regrinhas:

~ Pode abusar dos palavrões o quanto quiserem, mas ofensas serão excluídas. Caso queiram criticar, críticas construtivas por favor;
~ "Seguindo, segue de volta?" Sim, mas fale um pouco do post também;
~ Pedidos? Fiquem a vontade;
~ Lemos a todos os comentários e sempre os respondemos;
~ No fim do comentário deixe o link de seu blog, se gostarmos, seguimos com prazer .

Pode comentar agora!