Desabafo da tia Hari: Veterinários hipócritas do inferno

14/04/2016 || || ||
Um dos meus pendrives foi infectado por um vírus que apagou todos os arquivos relacionados a blog, isso inclui imagens, materiais, texturas, fontes, packs, layouts e textos, se alguma alma boa se sensibilizar, aceito materiais ou pelo menos uma página/blog/site/link que tenha algum dos tipos de arquivo que citei.
Oi oi pessoas que tanto amo! Sim, estou aqui a tagarelar mais um pouco, isso é um desabafo, ok? Então estou possessa mesmo, não se assustem. Respeitem a opinião de quem vos escreve, caso de opiniões diferentes, porque não dialogar nos comentários? Pra quem ainda não é manjador do blog, faço o quarto semestre do curso de medicina veterinária por aqui em Santa Catarina e vou contar um pouco da historinha que me motivou a escrever essa postagem, por surpresa, ela ficou curtinha, então nem precisam de tanta preguiça, cliquem aí no botão! 

Estava na casa de minha mãe de boas curtindo a vida e ela falou que tinha uma amiga que possuía um gato, aí ela começou a contar o quanto essa amiga ama o gato dela e tals. Resumidamente minha mãe disse o seguinte: "O gato dela está com raiva e o veterinário cobrou horrores para sacrificar, vê lá se você consegue". Ok? Até aí foi tudo beleza, minha mãe sabe que já sacrifiquei um animal com raiva antes -na aula de patologia, o professor era louco, longa história- e sabia que dava conta de fazer de novo. Eu sabia o que esperar.

Enfim, fui na casa da guria lá, a coitada estava quase desesperada e assim que vi o gato pensei "Ué, isso não é raiva nem fudendo", ele apenas parecia estar com raiva aos olhos de qualquer um, mas para alguém que estuda para diferenciar essas coisas era claramente um princípio de envenenamento. Falei isso para a mulher e falei algumas coisas para possivelmente "curar" o pobre animalzinho. Mas aí fiquei pensando, um profissional falou que ele estava com raiva? Era impossível!

Juntando as peças, fica óbvio o que ele queria com isso: Dinheiro. O que mais? Onde estudo, por exemplo, só o que tem é gente querendo é o dinheiro que a veterinária pode proporcionar, diria até que é, no mínimo, metade das pessoas. Já esperava que encontraria muita gente que não se importa realmente com os animais e com biologia e apenas quer saber do dinheiro. Mas matar um animal inocente para conseguir faturar mais? Não! Um absurdo, uma calúnia! Uma falta de humanidade muito grande!

Imaginem só se a guria tivesse pago a ele. O animal morreria sem motivos, a dona ficaria arrasada e muito triste emocionalmente, sem falar no prejuízo que ela teria -ou acham que sacrificar animais é barato? É de 200 reais pra cima- e ainda por cima uma pessoa que, nitidamente não merece, ganharia dinheiro ao fazer uma ação tão repugnante como essa. E o que será que ele faz com outras pessoas? Será que há seres humanos como ele? Que mundo é esse que vivemos?

"Quanto mais conheço pessoas, mais eu gosto de animais e quanto mais conheço animais, mais eu gosto de animais." Acho que essa frase retrata a minha maneira de ver o mundo. Por pior que seja a situação financeira do rapaz, FODA-SE! Matar um animal por dinheiro? NÃO! NUNCA! JAMAIS! E sabe o que é mais legal de tudo isso? Podem bater, maltratar, matar, torturar animais inocentes e saudáveis que ninguém liga. Mas se fosse um ser humano em uma situação exageradamente mais leve, mesmo que seja o pior dos seres, a mídia estava aí fazendo baderna. Não estou dizendo que se fodam os humanos e sim que os animais também precisam ter sua voz. É sério isso humanidade? Qual o problema de vocês? Então quer dizer que animais são seres inferiores que não sentem dor?

~cara tocando funk aqui do lado quebrou meu raciocínio~

Com esse acontecimento, fiquei a pensar se em minha sala alguém teria coragem -na verdade covardia- de fazer algo assim... Primeiro, hei de explicar que na minha sala tem mais ou menos três ideais diferentes: Os que acham fofinho cuidar de bichinhos doentes -que a grande maioria trancou o curso por não ser nada fofo trabalhar com corpos-, os que estão estão lá só pela grana e pessoas como eu, apaixonados pela ciência e verdadeiros amantes de todos os animais. 

Fiz uma breve pesquisa por lá, perguntando algo como: "Você mataria um animal em troca de dinheiro?". E, para a minha lástima, alguns poucos falaram que não. Uns falaram "sim" sem hesitar, sem pensar nem um segundo e outros me perguntaram o quando de dinheiro estaria em jogo, ou seja, basicamente essa pessoa faria, se valesse a pena o quanto que ele ganharia em troca disso.  A grande maioria do pessoal pensou bastante, até que me disseram um "não sei" e esse é o problema: Como assim "não sei"? Então quer dizer que dependendo do valor ele teria coragem de matar um animal? Ou dependendo da condição? Ainda penso em que diabos de condição alguém mataria um animal saudável única e exclusivamente por dinheiro. Será que a faculdade que estudo molda profissionais como o cara que cobrou a esta amiga da minha mãe? Que absurdo! Que blasfemo sem tamanho! 

Enfim... Estou sem tempo pra escrever mais e a ideia principal está expressa, pensem nisso. Poderia ser o seu bichinho. 

24 comentários:

  1. eu tenho um pug em casa se chama Pompom, ele é uma peste mas é a bolinha preta mais fofa rsrs
    infelizmente existe muitos veterinários assim, o meu pai fez muita pesquisa na hora de escolher o veterinário para o meu pet, e o que ela mais acho foi clínicas que inventa doenças nos animais para ganhar mais dinheiro.

    O pompom ele é bem mimando toda semana ele vai no veterinário fazer as unhas e cuidar do pelo, e também ela vai para ver se ele tem que fazer dieta ou não, sabe ele é um pug bem gordinho então vive de dieta, ele parece uma bola rsrs Mas por sorte meu pai achou uma otima veterinária, o meu cão e alérgico a pulgas e acabou por ficar com feridas quando apanhou umas, a veterinária foi um amor é só comprou pelos remédios e ainda antes mandar o meu pai da remédio para as pulgas, ela fez exames no meu cão qual era melhor para ele, foi ai que o meu pai descobriu que o pompom só pode tomar pílulas para as pulgas, pois ele ganha alergia se colocar algo diretamente no pelo dele.

    Ela disse para o meu pai que não compra por consultas, pois acha isso errado, pois ela ama animais, e o que ela sempre quis fazer era ajudar-los, e muitas pessoas não tem dinheiros para pagar consultas e ainda remédios.

    Com carinho, Hina | Aishiteru em Contos |

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Abraços para a sua bolinha fofa <3
      Sim, você fez a decisão certa, pesquisar nunca é demais, principalmente quando vemos casos como este acontecerem com certa frequência. Você realmente teve sorte, e o Pompom também, só devo imaginar como ele é feliz com você, é muito bom quando vejo veterinários de verdade que têm amor pelo que fazem. Também acho errado cobrar por consulta, a pessoa tem direito de saber o que seu animal está passando sem ter que pagar por isso, e muita gente não tem condições

      Excluir
  2. Meu deus Hari, lendo essa história do gato eu fiquei de queixo caído! Como é possível que exista no mundo uma pessoa que se diz "profissional" e faz esse tipo de coisa? E o pior é que não é só um ou outro né! É como a galera da sua sala que você perguntou!

    Essa frase que você citou é um dos meus lemas de vida hahahahahaha! Tenho pena dos animais e de todo o resto do planeta por terem de conviver com os seres humanos. Sério, a ignorância e a crueldade humanas não tem limites mesmo.

    Eu só sei que tenho muita sorte pois minha mãe é veterinária e por isso nunca precisamos levar nossos gatinhos a um veterinário particular. Porém, minha mãe é veterinária da prefeitura e lá eles trabalham muito e ganham pouco, e adivinha? Eles tratam cada animal lá dos gatis e canis como se fossem deles, com o respeito que cada animal merece ser tratado. E ainda bem que lá eles não deixam qualquer um adotar, eles fazem um questionário bem rigoroso e algumas visitas após a adoção para garantir que os animais terão um bom lar.

    Mas é uma pena que existam esses veterinários nojentos que só pensam no dinheiro - alô, se o cara quer ganhar dinheiro pode ter certeza que tem profissões muito melhores pra isso! Fora que lei nenhuma garante a proteção dos animaizinhos contra esse tipo de coisa. Aliás, tem muito pouca lei pra garantir a proteção de animais, não? :(

    Ah, sei lá, muito triste com esse post -q

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina como eu fiquei na hora então, eu realmente não sei como uma pessoa consegue fazer isso sem ter um peso na consciência. E pior, não é minoria! Que horror...

      Essa frase <3 shuashusa eu tenho um puta rancor pela raça humana, sabe? Nem sei se você já assistiu Hunter x Hunter, mas por lá tem uma saga que uma "nova espécie" surge e há uma comparação com a nova espécie e o ser humano e a mensagem dessa saga é incrível, por pior que seja essa nova espécie do anime, nós somos piores.

      Ah, isso é um alívio, sua mãe é diwosa <3 Isso é incrível, é muito bom todos esses profissionais façam esse trabalho sem se preocupar com dinheiro, sustentado apenas pelo amor, a ideia do questionário é genial, todas as clínicas de adoção deveriam fazer isso ao invés de só tentar se livrar dos animais.

      Sim, tem muito pouca lei pra garantir a proteção de animais, concordo que ele é muito nojento e ele deveria mesmo procurar uma profissão mais efetiva para ganhar dinheiro...

      Excluir
  3. Olha eu vou te ser muito sincera eu estou em um momento contra os direitos humanos ja que eles defendem estupradores e gente que so quer matar sem um pingo de necessidade.

    Mas acho muito pior matar um animal por qualquer motivo que seja, exceto se for para que ele não sofra tanto mediante a alguns caso, um peixinho meu ficou doente os outros comeram suas barbatanas [mas todos eles ja estavam comigo a muito tempo] Eu fiquei com pena dele pois ele estava cada vez mais definhando e doia ver o bichinho sofrer, então pedi para matarem ele para mim.
    Porque sabe algo que eu reparo em quem tem peixe perto da minha casa, eles não se importam com os bichinhos so os veem como objeto de decoração, misturam todo tipo de peixe ai depois uns matam os outros, não cuida do ambiente do aquário e sempre morrem todos no final.Os meus a maioria morreu de velhice, ainda tem uns tres mais eu estou cuidando deles e não pretendo misturar com outros acho melhor assim.

    Lendo seu texto me lembrei do meu gato Bilu, meu pai e enfermeiro e esse meu gato foi envenenado como ele na época tinha em casa um bom remédio ele salvou meu gato, e muitos outros bichos por ai.

    Eu gosto muito de animais, eles são inocentes puros e sempre são um doce com a gente. Matar um bicho inocente só por dinheiro... Tem que ser muito abominável,mas hoje em dia acho que os médicos também so querem ser médicos pelo mesmo motivo. Infelizmente esse mundo ta assim hoje em dia...

    Agora me lembrei de uma frase do Orion do joga Amnesia que começei a traduzir: "Os humanos são seres brutais e crueis." Acho que nunca vi melhor verdade em um jogo.

    Uma pena você ter perdido seus arquivos, mas eu apaguei os meus sem querer com Shift+del [que raiva, mas eu faço umas trapalhadas assim as vezes], Eu ainda queria... Mas eu sei que dá pra recuperar mas não procurei um programa, talvez também funcione pra você.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem vou falar de direitos humanos, se não me tacam o pau...
      Tudo bem, quando é para tirar o sofrimento de um animal, é de boa, podemos sim sacrificá-los -e também queria que essa regra valesse para humanos, mas não, os médicos filhas da puta prolongam a morte dos pacientes, mas ok-

      Ah sim, isso é um problema, é muito comum vermos testemunhos de pessoas que já tiveram peixinhos de estimação e que morreram rápido e depois ficam perguntando o porquê... Por falta de cuidados, óbvio! Infelizmente é comum já sabermos cuidar de cachorros ou gatos, mas quando as pessoas vão criar um peixe, um coelho ou um hamster, não percebem que tais animais são diferentes de gato e cachorro e portanto os cuidados são distintos.
      Ufa! Que bom para o seu gato, ainda bem que ele sobreviveu!
      Também gosto de animais, qualquer tipo de animal, e não gosto do ser humano, parece que a "espécie mais evoluída" é a mais idiota, mais sem coração e a que mais se destrói, é horrível... E os humanos poderiam se destruir sozinhos, mas não, envolvem seres inocentes para isso...

      Ainda tô tentando recuperar meus arquivos, tá foda...

      Excluir
  4. Não acredito que há realmente pessoas assim, ou melhor, não quero acreditar, nunca vi uma coisa dessas a acontecer por cá (felizmente), todos os veterinários que vi e conheci até ao momento adoram animais, não os imagino a fazerem uma atrocidade dessas, mas já ouvi histórias sim, lembro-me vagamente disso.
    Mas houve uma vez que o meu porquinho-da-índia estava doente, não comia, não se mexia muito, ficava quietinho o dia inteiro e por vezes fazia uns gestos estranhos com a boquinha. Então como ele não comia nada e eu e os meus pais estávamos preocupados e tivemos de ir com ele à veterinária, e ela nem tinha especialização em animais exóticos (ou algo assim, não me lembro bem, sei que não era bem a área dela) mas ela fez o melhor que pode e ajudou-o, deu-lhe umas vitaminas, fez uma desparasitação, até lhe cortou as unhas e deu-nos indicações, e no fim descobrimos que ele tinha um problema com os dentinhos e tivemos de lhe dar comer com uma seringa, agora está ótimo (gordo que nem um texugo, anda aos pulos e a correr por todo o lado haha), mas ela gostou muito dele e disse que um dia havia de arranjar um porquinho-da-índia para ela, foi muito querida. Pessoas assim é que deviam ser veterinárias não era só pelo dinheiro.

    Unicorns and Chill

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, infelizmente existe e sim, infelizmente são pessoas e infelizmente -de novo- não é minoria. Todos os veterinários que você conheceu são de bom coração -ou estão fingindo-, a maioria das pessoas da minha sala, mas isso não os impede que eles sejam capazes de trocar a vida de um por dinheiro.
      Ah, na faculdade nós temos sim umas matérias que estudamos um pouco sobre animais exóticos, animais de pecuária e tals, é uma questão de atenção de cada pessoa. Porém é uma especialização que vai fazer ele ser um profissional de verdade. Que bom que agora ele está bem <3

      Excluir
  5. Que Cruel D: Pobre gatinho... Não só ele, mas também tenho pena dos próximos animais a serem atendidos por esse veterinário, infelizmente muitas pessoas são assim mesmo só pensam no dinheiro e não se importam com o que vai acontecer com os animais ou as pessoas que vão sentir falta deles, minha tia já passou por algo parecido e o cachorrinho dela acabou morrendo.

    Por muito tempo meu sonho era ser veterinária também, mas recentemente descobri que não ia dar certo, porque não gosto de ver animais sofrendo ou machucados ;-;" então eu desisti e troquei de faculdade.

    Yuurei Neko
    Visite minha página no facebook
    Increva-se no meu canal
    Kissus ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tenho pena dos mesmo que serão atendidos por esse merdinha fingindo ser veterinário e manchando nossa profissão... Odeio pessoas que não tem um pingo de amor no coração e fazem coisas como essa por dinheiro. Pobre cachorrinho ;-;

      Sim, você tem que ver animais sofrendo e com machucados sérios, até mesmo na faculdade é assim, temos que mexer com cadáveres e tals, não é uma profissão fácil e você tem que ter estômago forte

      Excluir
  6. Yo, Hari!

    Sei bem como é isso! Meu computador é tão foda que (Mesmo sem ter vírus ou algo parecido) já apagou TODOS os meus arquivos mais de duas vezes! Eu guardei até um pen drive com todos os arquivos mais importantes e uma pasta no Google Drive, só pra prevenir.

    Geeeente, que feladaputagem! Pobre do gato! Como é que uma pessoa faz isso com um gato e ainda se diz profissional? Ou pior ainda, quantas pessoas será que ele já enganou apenas pra comer o dinheiro delas as custas de animais inocentes? Esses são os tipos de profissionais que temos hoje em dia (Ainda bem que tu aparecesse antes que o gato em questão fosse morto!)

    Isso daí até me lembrou do médico filho de uma rapariga que ia fazer o parto da minha irmã. Como minha mãe teria que fazer uma cesariana, esse imbecil fez de tudo pra que a minha irmã nascesse algumas semanas depois da data que ela nasceu mesmo, ele até deu REMÉDIO pra que ela não nascesse naquela data, e justamente no dia em que a minha irmã nasceu, esse filho de uma rameira fugiu do hospital e literalmente mandou minha mãe se virar, isso quando a bolsa dela já tinha estourado (dentro de casa) e ele nem ligou, ficou pouco se fudendo pra situação da minha mãe, e se não fosse uma enfermeira muito da bacana que mãe conheceu, ela provavelmente nem estaria viva hoje, agora eu lhe pergunto: Que tipo de profissionais cara de bunda são esses que conhecemos, hein? Usando do conhecimento pra se aproveitar dos pacientes? E isso ninguém liga, só liga quando acontecem nessas grandes cidades, porque aqui no interior? Me diga a última vez que algum jornal de TV falou sobre o interior do nordeste como falam das grandes cidades? Acha que aqui é tudo tranquilo? NÃO! Os sítios daqui do interior são as coisas mais perigosas do mundo! É assalto acontecendo, gente sendo espancada e tals, e isso ninguém liga, o que é triste...

    Pensando claramente nessa pesquisa aí, eu lhe digo: Eu nunca mataria um animal, até porque, não tenho coragem! Claro, se não tivesse outra forma de fazer o bicho parar de sofrer e quem falasse fosse um profissional competente, teria que sacrificar, mas eu por mim mesma jamais faria isso, mesmo que pagassem (Nem galinha eu tenho coragem de matar, quanto mais gato, cachorro, coelho, essas coisas assim).

    Kissus ♡♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MEU GZUIZ! E EU ME LASTIMANDO! Ainda não consegui recuperar todos os meus arquivos -na verdade tô em longe-, mas vou tentar me policiar e salvar os arquivos em mais de um lugar.

      Sim, um maldito, isso foi uma falta de profissionalismo enorme, nem sei o que dizer disso, sério...

      Ei, quando se trata de medicina de humanos é mais fácil tacar um processo, deveria ter feito isso, a sua mãe e a sua irmã -mesmo que ela não lembre- devem ter sofrido muito por causa da falta de empatia e profissionalismo desse cara idiota... Que sorte da sua mãe, essa enfermeira é, com certeza, uma pessoa foda! Deveria receber mais que esse otário. Verdade, as grandes cidades são sempre alvo de notícias espalhafatosas, tudo bem que as emissoras de televisão são mais por aquela área de Rio e São Paulo mesmo então é mais fácil conseguir notícias verídicas dessa região e das capitais, mas não deixa de ser um defeito, a falta de homogeneidade das matérias do jornalismo é um problema.

      Eu mataria sim, mas só para evitar um sofrimento maior, é que não aguentaria ver as espécies que amo tanto sofrerem mais, não aguentaria ter que prolongar a dor dos animais diwos.

      Excluir
  7. Yooooo Hari \o/

    MEU DEUS, ME ABRAÇA PORQUE TU FALOU TUDO MULHER! EU TE ENTENDO!

    Cara, que veterinário mais FDP é esse!? COMO ASSIM MATAR O BICHO DO NADA!? Meu, eu não sei nem o que dizer. Volta e meia os professores da minha faculdade nos contam os absurdos que já viram de outros profissionais, a história mais recente que nos contaram, foi de um cara vida loka que foi "castrar" uma cadelinha E ARRANCOU OS RINS DELA! MANU, OS RINS! Que tipo de profissional é esse!? Ou então, sobre outros profissionais que estavam se lixando para a doença que os animais tinham, e qualquer coisinha eles tacavam antibiótico para conseguir vender e cobrar mais!

    "Mas se fosse um ser humano em uma situação exageradamente mais leve, mesmo que seja o pior dos seres, a mídia estava aí fazendo baderna" MEU DEUS FALOU TUDO MULHER, CARA TIROU AS PALAVRAS DA MINHA BOCA! Manu, se fosse um ser humano, por mais fdp que ele fosse, mesmo sendo uma situação estratosfericamente mais leve, estaria uma galera o defendendo "Ain e os direitos dele" ....Okss, eu concordo que sair espancando as pessoas, discriminando e fazendo o que quiser, por pior que essa pessoa seja, está longe de ser a resposta para os problemas (muito pelo contrário, só causaria mais violência), PORÉM por mais que exista gente que cuide e defenda os animais, ainda assim o espaço dado para eles é muito pouco! Cara, ontem mesmo eu estava vendo um canal no YouTube que mencionou uma reportagem/documentário (agora eu não me lembro ao certo), sobre suinocultura lá nos Estados Unidos. Eles falaram que é horrível as condições de muitos desses locais! Que muitos só possuem um agente para fiscalizar tudo. Além de terem porcos em condições péssimas, haviam animais doentes e ainda por cima sendo sacrificados e lavados para consumo. Tinham animais que literalmente estavam puro pus por dentro! Manu, e isso vindo de uma "potência mundial", do país que é dito como "exemplo" para os demais!

    Aqui na minha ragião até que não tem tanta gente que vai pala """"fofura"""", pois como eu moro no interior, tem muita gente que possui fazenda, que os país são agricultores e criadores, ou seja, que já possuem contato com isso e tão fazendo faculdade para dar continuação aos negócios da família.

    Porém, eu andei vendo que tem uma galera meio "foda-se", ou seja, tão fazendo faculdade, mas tão nem aí pro que estão aprendendo! Apenas passar é o que importa! Para tu ter noção, tem gente na minha faculdade que prefere pegar os professores que NÃO ensinam nada, mas que PASSAM os alunos, do que pegar os professores que ENSINAM, mas são exigentes! QUE TIPO DE PROFISSIONAL VAI SAIR DAÍ!? Tem alunos que saem catando as provas de semestres passados para decorar elas, caso o professor use as mesmas no atual semestre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Volta e meia meus professores também contam algumas histórias, mas eu não acreditava que eram 100% verdade até esse dia que participei de uma.
      OS RINS? Que porra que esse profissional estava fazendo? Na real, como ele se chama de profissional? Que absurdo! É muito errado faltar com ética pra faturar...

      Adoro saber que concordamos em muitas coisas <3 Também tô na sua, sair linchando o pessoal não é uma coisa boa a se fazer também, foi o que disse no post, sabe? "Não estou dizendo que se fodam os humanos e sim que os animais também precisam ter sua voz." e essa voz eles não possuem, claro que não, eles não falam como nós, expressam sentimentos por ações, expressões, quando você olha para o seu animal de estimação, por exemplo, já consegue saber que ele não está bem, que está com uma cara triste. E não me entra que tenha gente que não saiba identificar isso. Ah, eu soube dos porcos dos EUA, inclusive aqui no Brasil rola algo parecido e a gente tem que ficar caçando quem cuida ou não da situação das fazendas/indústrias que trabalham com carne de animal. E infelizmente não vejo minha vida sem carne, se não, #partiu ser vegetariana! Mesmo que seja da cadeia alimentar do ser humano, a situação dos animais antes do abate é realmente horrível. Cara... Se uma potência age desse modo, o que dizer do nosso tão amado Brasil? Pois é... Reflita...

      Ah sim, os negócios da família, na minha faculdade tem uma galerinha que vai por isso também, que conseguiram bolsa do interior e tals...

      Ah cara... Só o que tem na minha faculdade é o pessoal pegando os professores que passam sem exigir nota... É todo um sistema na verdade, não deveriam contratar professores assim, ou que pelo menos exigissem mais deles...

      Excluir

  8. Aliás, tinha um professor de fisiologia por aqui que saiu da universidade, mas que antes de sair passou a galera inteira, aí o povo que não sabia nada passou em fisio I bem feliz. MAAAASSS, agora tão se arrebentando em fisiologia II, tudo porque não estudaram, levaram tudo no foda-se e agora eles tão mais arrebentados do que traseiro de uke em yaoi sadomasoquista! :v

    COMO ASSIM DEPENDENDO DE QUANTO VAI GANHAR PARA MATAR!? Sério, eu fico me perguntando pra que diabos serviu os milhares de anos de "evolução"! Cara, tu só faz a eutanásia de um animal em último caso, quando a doença não tem mais cura e o mesmo já está sofrendo. Tipo, quando eu era criança, a família tinha um cachorro já bem velhinho e que também já estava meio doentinho, então nesse caso se resolveu fazer a eutanásia dele, mas o bichinho já estava que não se aguentava mais. Não foi do nada que fizeram isso!

    Enfim, mas por pior que pareça, ainda assim existem pessoas descentes dispostas a fazer o correto, o importante é mostrar e passar isso para frente. Felizmente aqui volta e meia os professores alertam sobre isso e acabam tendo umas conversas "sobre a vida" conosco (principalmente o de histologia and Citologia), só espero que a mensagem dele esteja sendo captada pelos outros alunos.

    Kiss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. FISIOLOGIA? PUTA QUE PARIU, MATÉRIA DO INFERNO, MANO... Por que esse professor fez isso numa matéria tão crucial e delicada?
      Shaushsau azar o deles, parece que o jogo virou, não é mesmo?
      Isso, eutanásia é algo usado em último caso, e é algo normal e é até melhor que se faça mesmo, ninguém vai ficar prolongando o sofrimento de alguém que já não tem mais esperança... E apoio o sacrifício de animais somente nesse caso, mas assim só por dinheiro, que horror!

      Que bom que ainda temos professores que fazem esse tipo de alerta, conscientizar nunca é demais, não é? O que resta a se fazer é esperar que a mensagem seja captada pela galera.

      Excluir
  9. Estou a tentar voltar à blogosfera com os comentários em dia, um novo layout e um novo post, portanto este comentário terá de ser curtinho :)

    Mas o facto é que a situação deste post foi tão revoltante que até falei dela à minha mãe. Eu já tinha completa noção de que alguns veterinários são capazes de ações tão desumanas por dinheiro, e ainda bem que você já tem a habilidade para detetar esse quando um animal de facto tem raiva e quando não, e que levou esse questionário avante para esclarecer as coisas. Fora que, animais sentem dor sim, e só o facto de alguém desmerecer isso já torna a pessoa desprezível aos meus olhos. Se bem me lembro, quando você teve coragem para matar o animal com raiva, toda a gente olhou para você com um certo ódio, mas agora os seus próprios colegas admitem a falta de ética que têm.

    Quando eu fôr para medicina, provavelmente terei de enfrentar pessoas igualmente desumanas. Mas não poderei enfrentá-los de cara, até porque isso poderia levar a que me dificultassem a vida antes de eu me formar e assim nunca alcançaria os meus objetivos. E parte dos meus objetivos é começar a mudar as coisas por dentro. Eu quero praticamente ser uma infiltrada no hospital e levar as coisas de forma tão ética quanto possível (só não ao ponto de ser despedida, não por receio de mim própria, mas porque se fosse despedida aí não ajudaria mais ninguém). Eu poderia dar vários exemplos, mas não tenho mesmo tempo e, bah, vai ter de ser isto. Já deve ter dado para captar a ideia. Então, desde que você faça a sua parte, já é um contributo positivo para mudar o mundo e quem sabe se não haverá mais alguém a tomar a sua atitude como exemplo. Pode parecer idealista, mas eu realmente acho que pequenas coisas podem mudar o mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é revoltante, nem imagine minha cara quando vi o pobre gatinho lá sofrendo e tals, eu fiquei com um ódio da porra... Ainda bem que minha mãe me chamou, não poderia imaginar essa amiga dela se eu não tivesse chegado a tempo de salvá-lo. Também odeio quando dizem ou deixam a entender que animais não tem sentimentos e não sentem dor. Tá certo, muitas pessoas não tem a mesma empatia com o ser humano e com os outros animais, mas falar algo assim também me deixa possessa. E sim, o que me deixou surpresa foi que eles nem se tocaram no quão hipócritas eles pareciam enquanto eu os fazia perguntas... Ridículo...

      Com certeza você vai enfrentar problemas piores que os meus. Por que eu sei disso? Simples, pra medicina tem mais concorrência, o dinheiro é maior e tem mais reconhecimento pelo trabalho. Tenho certeza que você vai ser uma ótima médica e se você se sentir chateada com alguma coisa, sinta-se livre pra compartilhar conosco <3

      Excluir
  10. Mds... Olha quanta diferença de raiva para principio de envenenamento -.-'' É por esse motivo que quando você recebe um diagnostico como esse, é sempre bom buscar uma segunda opinião. Eu agradeço muito por nunca ter precisado levar meus animais para o veterinário. Agora que eles fazem a festa num pet shop... Ai sim kkk.

    Mas, Hari... Não tem como denunciar esse veterinário? Porque pelo jeito que você falou, foi fácil diferenciar o envenenamento de raiva. Eu não sei como funciona isso na veterinária.

    Eu te desejo tudo de bom nessa sua carreira. Você vai longe!
    Abraço :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, tem muita diferença, talvez para uma pessoa que não sabe, seja a mesma coisa mesmo, mas realmente foi fácil identificar, aconselho uma segunda opção também. E agradeça eternamente, e quando precisar, certifique-se que está dando seu dinheiro para alguém confiável.
      Não sei se tem como denunciar, acho que tem sim, porém aqui no Brasil crime contra os direitos dos animais e nada é quase a mesma coisa, um caso "fútil" como esse não vai ser levado em consideração, para que casos com os animais tenham voz, eles precisam ser levados para a mídia, mas aí é um caminho muito pior e mais longo...
      Ah, obrigada <3

      Excluir
  11. Meu, que coisa horrível. Tudo isso, a situação, a constatação de que esse tipo de gente existe e, pior ainda, tem as ações como algo "aceitável" dentro do próprio meio veterinário (mesmo que você tenha perguntado pra gente que está estudando pra exercer a profissão, em breve serão de fato veterinários e isso é alarmante, meu deus).
    Sempre levo meu gato de taxi até as consultas e tal e em torno de 80% dos motoristas me contam histórias horríveis envolvendo descaso dos veterinários com os animais deles.
    Me comove, assim como você e me enerva na mesma medida que esse tipo de ser humano siga com a sua vida como se tudo estivesse bem. Saindo impune e, imagine só, ninguém tem como saber!
    Ainda que há gente que estuda como você e em casos esparsos chega a desmentir o diagnóstico errado por maldade do outro, mas quantos não devem ser os bichinhos que não têm essa sorte? Sem falar dos donos, quantas famílias e almas não sofrem por coisas assim... Por pura ganância e crueldade.
    Não tem nem mais o que dizer, só lamentar mesmo. Que grande absurdo.

    Ah, sim. Você perguntou para a menina/ou a amiga da sua mãe sobre o nome e clínica do cara que fez isso? É um caso urgente de denúncia. Espero que não tenha nada burocrático que a impeça de fazê-lo, porque uma pessoa dessas precisa, no mínimo, ser levado a julgamento e perder a licença.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se fosse porque o gato estava com raiva, eu até relevaria, afinal a profissão é isso, tirar o sofrimento dos animais como puder. Mas não, foi totalmente aleatória, era praticamente impossível um profissional confundir raiva com principio de envenenamento, eu senti muita raiva quando comecei a pensar nisso... O cara não pensa nas pessoas que vão ficar muito chateadas pela morte de um animal inocente que nem mesmo estava doente de verdade.

      Ah! E sim, é um caso de denúncia, eu até tentei, mas até pra isso tem uma fila tremenda, daqui que ele perca a licença -se isso acontecer- vai demorar muitos anos...

      Excluir
  12. Meu Deus QUE ABSURDO isso. Como pode ter pessoas assim??
    Meu Deus o mundo tá mesmo perdido.
    Vou orar pelos esses animalzinhos tão inocentes.

    Adorei seu blog♥.
    Beijos.
    http://era--umavez.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, um absurdo sem nome, não sei como podem existir pessoas assim que se intitulam seres humanos -mas tudo bem, o que nos resta é aceitar-

      Excluir

Vai comentar? Leia as regrinhas:

~ Pode abusar dos palavrões o quanto quiserem, mas ofensas serão excluídas. Caso queiram criticar, críticas construtivas por favor;
~ "Seguindo, segue de volta?" Sim, mas fale um pouco do post também;
~ Pedidos? Fiquem a vontade;
~ Lemos a todos os comentários e sempre os respondemos;
~ No fim do comentário deixe o link de seu blog, se gostarmos, seguimos com prazer .

Pode comentar agora!